São Tomé e Principe assina mais um acordo de 35 milhões, desta vez com a União Europeia

Partilhar é ajudar!

[Total: 1   Average: 5/5]

O Programa Indicativo Nacional, que liga São Tomé e Príncipe e a União Europeia, foi assinado em Adis Abeba-Etiópia, à margem da cimeira da União Africana. O programa assinado pela Ministra dos Negócios Estrangeiros Elsa Pinto e Nevem Mimica Comissário da UE para a Cooperação Internacional e Desenvolvimento, envolve 35 milhões de euros, para serem investidos em São Tomé e Príncipe durante 2 anos, ou seja, de 2019 a 2020.



O programa financeiro assinado na presença do Primeiro Ministro Jorge Bom Jesus, e dos membros da delegação da União Europeia, pretende promover o desenvolvimento de São Tomé e Príncipe em várias áreas. «A assinatura deste Programa, demonstra a confiança da União Europeia, com o actual Governo e o comprometimento com a democracia e estabilidade Política do nosso País», referiu o Primeiro Ministro Jorge Bom Jesus, no encontro com a delegação da União Europeia.



Construção e reabilitação de estradas e pistas rurais, garantia da segurança alimentar através de apoio a projectos agrícolas, financiamento das principais fileiras de exportação (cacau, café e pimenta), e o sector da energia fazem parte das acções que a União Europeia tem executado em São Tomé e Príncipe.



Nos últimos anos, a União Europeia, decidiu apoiar o Estado são-tomense, através da injecção de 5 milhões de euros no Orçamento Geral do Estado. Verba que dentre outros objectivos deve atender as necessidades do país em matéria de saneamento do meio, e adopção de água potável as populações.

Fonte: Telanon

Partilhar é ajudar!