Só o Primeiro Ministro viaja na primeira classe, todos os membros do Governo viajam ao lado do povo.

Partilhar é ajudar!

[Total: 0   Average: 0/5]

Pela primeira vez em São Tomé e Príncipe, os membros do Governo que viajam para o estrangeiro, vão sentar-se junto com o povo, na classe económica. O Governo de Jorge Bom Jesus, decidiu em conselho de ministros cortar o acesso dos ministros a classe executiva nos aviões.

Uma medida que segundo o Governo visa dar resposta «aos constrangimentos financeiros que o país atravessa».





Só o Primeiro Ministro Jorge Bom Jesus, pode viajar regularmente na classe executiva. « com excepção do Primeiro-Ministro, todos os membros do governo passam a viajar em classe económica», frisa o conselho de ministros.



Os demais membros do Governo, só terão acesso a classe executiva, se «o bilhete de passagem for pago pelo Estado ou organismo internacional que faz o convite», reforça o governo.

Pelo mesmo motivo, constrangimentos financeiros, o executivo decidiu também «limitar as viagens de serviços dos funcionários públicos, ao estritamente necessário».



Em mais de dois meses de mandato como Primeiro Ministro de São Tomé e Príncipe, só uma vez o Primeiro Ministro Jorge Bom Jesus, deixou São Tomé, a sua terra natal, rumo ao estrangeiro. Foi para participar na cimeira da União Africana em Adis Abeba.

Um comportamento contrário ao que se verificava em São Tomé e Príncipe nos últimos 4 anos, em que o edifício da Primatura são-tomense tinha-se transformado num ponto de escala, das semanais viagens do anterior Chefe do Governo para o mundo.



Fonte:telanon

Partilhar é ajudar!