O ataque desnecessário do MLSTP/PSD ao partido ADI.

Partilhar é ajudar!

[Total: 0   Average: 0/5]

O partido MLSTP atacou hoje o ADI na sua página oficial do Facebook com um anúncio de suposta procura do partido vencedor das eleições de um candidato à primeiro ministro, depois do ministro da educação Olinto Daio ter resusado o cargo.



“Anúncio público:

Procura-se desesperadamente um cidadão qualquer para preencher com urgência a vaga de Primeiro-Ministro da República. Tem que ser especialista na arte de “lambebotismo”, seguidor cego do querido líder e disponível para ser controlado por comando remoto via satélite.

O emprego terá a duração até ao máximo de 30 dias, apenas para garantir a finalização de alguns expedientes de última hora e a representação do querido líder na passagem de pasta ao legítimo titular do cargo.


Os interessados podem enviar os CVS para a sede do partido ADI ou diretamente para a sua sucursal, na Presidência da República, para queimar etapas e despachar o processo.



O salário é acima da média, com viatura, segurança, combustível, renda de casa e saldo. Se o candidato se aguentar nos 30 dias, terá direito a uma viagem relâmpago de 1 semana a um País amigo para o relançamento da cooperação e busca de financiamento para projectos imediatos.

Publique-se!”

Partilhar é ajudar!