O que o povo Santomense precisa saber sobre as 9 malas. Porque foram para Gabão e não Portugal.

Partilhar é ajudar!

[Total: 0   Average: 0/5]

 

Num artigo publicado ao jornal Téla Nón Isabel Santiago faz uma analogia  a qual não resistimos em partilhar convosco. Com objectivo de informar sobre a súbita saída do Primeiro Ministro cessante de São Tomé e Príncipe a Gabão com nove malas sem serem revistadas no aeroporto, a Jornalista explica porque é que o  Patrice Trovoada foi primeiro ao Gabão e depois a Portugal.

“O que o povo precisa de saber: o senhor da ADI, PM cessante abandonou o país, durante a agitação do povo.  Levou consigo 9 malas. Os RX não as fotografaram. Rezam as fontes do aeroporto que, ameaçadas pelos seguranças, as 9 malas – certamente cheias de cacau e café – se destinavam ao Gabão, onde o pai muçulmano o esperava. Obviamente que as leis em Portugal não permitem entradas de frutos ou legumes sem autorização do Ministério da Agricultura. Naturalmente que me refiro a um máximo de 10K (unidades). O saco azul do BISTP ficou vazio.”

Isabel de Santiago

Neste trecho Isabel  de Santiago  afirma que as 9 malas continham riqueza São-tomense ou seja o dinheiro do povo e neste caso não poderia ir para Portugal porque ali todo o dinheiro que entra acima dos 10 mil euros deve passar pelo fisco, por isso o PT  não poderia correr este risco. Nesse sentido o PM cessante de São Tomé precisava deixar o seu “Cumbú” com alguém que já o conhece, conhece os seus negócios e é o senhor dos senhores no seu país ( Ali Bongo).

A mesma continua…

Aqui estarei para denunciar cada passo que a sua excelência “que goza de fartura…” (A cidade e as Serras de Eça de Queiroz) der no país onde pensa pertencer, mas onde não declara impostos. Mas este país, Patrice, é um estado de direito. Onde o PM respeita a constituição. Respeita o parlamento. Respeita o povo.

Não espere, a sua excelência que São Tomé o volte a receber em 2021. Acabou a era Trovoada. Talvez os teus filhos, estudando na escola americana, se forem alunos exímios, consigam chegar a Yale-USA, e compreendam o fenómeno do enriquecimento ilícito.

Hoje é dia 19, de Outubro. Faz 4 meses que a Anabela das Dores morreu. Sem diagnóstico clínico. Os órgãos estão em análise em Portugal. E não em Gabão.

A democracia é a Bomba Atómica do Povo, nos termos da CRSTP. Fonte suprema do poder. Viaja para a Europa. Talvez o PM te receba, espero que não, porque o considero um bom homem e respeitador da Democracia. E dos valores da LIBERDADE. Acabaram as Derrotas das Trovoadas Mentiras.

Artigo completo no Téla Nón

Partilhar é ajudar!