Até um Zé Gabonês (Ali Bongo) acha que tem autoridade, isso virou a casa da mãe Joana

Partilhar é ajudar!

[Total: 0   Average: 0/5]

É sem dúvida uma situação nunca antes vista e São Tomé e Príncipe, o território santomense virou a chamada casa da mãe Joana, qualquer um acha-se no direito de opinar  e ter autoridade. 

Falamos do Presidente Gabonês  Ali Bongo que enviou uma delegação liderada por  Ahmad Allam-Mi, secretário geral da Comunidade Económica dos Estados da África Central com o objectivo de entregar uma mensagem ao Presidente da República, Evaristo Carvalho.

É de suspeitar que alguns das depois da misteriosa viagem privada do Pritrice Trovoada com o destino dito desconhecido, chega uma delegação enviada pelo presidente Gabonês, conhecido do Patrice Trovoada, com uma mensagem ao nosso Presidente da República.




Não obstante a isso, a delegação decidiu na terça feira, ir acompanhar o apuramento Geral das eleições legislativas que decorre no Tribunal Constitucional e ler uma mensagem no inicio dos trabalhos.

De acordo com o Jornal Tela Nón, este pedido foi negado e a delegação teve que sair pelas traseiras do Tribunal Constitucional.

Estes episódios mostram claramente a tentativa do ADI de cometer uma fraude eleitoral, o partido não aceita o facto de ter gasto milhares de euros na campanha e sente-se traído pelo povo. Mas o que o ADI não sabe é que o povo santomense paga as suas bebidas  não aceita nenhum “Gabonês” sem amor a  São Tomé lhes chamar de bêbados e delinquentes.




Os santomenses lutaram durante anos para conseguir independência e liberdade, não é um “Zé Manuel” da esquina que vai tirar isso ao povo. O povo põe e o povo tira. 

Viva a Democracia Santomense

Partilhar é ajudar!